terça-feira, 28 de setembro de 2010

Motos que deixaram saudades - Agrale 30.0 e 27.5 EX

Amarela com o quadro e vários detalhes em magenta (rosa-choque, diziam as más línguas) era a combinação escolhida para a EX, que não substituía a 27.5 E, mas se somava a ela para vencer mais e mais enduros. Além do amortecedor pressurizado e da roda de 17 pol na traseira, como na Elefantré, trazia reservatório de expansão para o líquido de arrefecimento, para menor risco de fervura nos trechos "travados", sistema de lubrificação das articulações da suspensão traseira e um potente freio a disco nessa roda.

Em 1993 o mercado de motos era agitado por uma nova fase do PPB, permitindo às fábricas montar em Manaus motos com componentes importados, sem o imposto correspondente, por um período limitado. Para a Agrale isso representou grandes mudanças, começando pela Husqvarna WR 250 e a Cagiva Super City 125, passando por modelos maiores do grupo (incluindo MV Agusta) e chegando à pequena Legion 125, com motor de quatro tempos, última moto vendida com o nome Agrale.

Elefantré 30.0, SST 13.5 e as enduristas 27.5 E e EX foram produzidas até 1997; a Dakar havia desaparecido já em 1993. Isentas de muitos dos problemas que afetaram a marca em seus primeiros anos, fizeram seus fãs e vez ou outra ainda são vistas pelas ruas, estradas ou explorando trilhas por esse imenso Brasil.

Ficha técnica
Elefantré 30.0 (1992) 27.5 EX (1992)
MOTOR
Cilindros 1 cilindro / 2 tempos
Refrigeração / partida líquida / elétrica líquida / a pedal
Diâmetro e curso 67 x 54 mm
Cilindrada 190,39 cm3
Taxa de compressão 6:1
Potência máxima 26,5 cv a 8.500 rpm 27,5 cv a 8.500 rpm
Torque máximo 2,2 m.kgf a 7.500 rpm
Alimentação um carburador Dell'Orto
CÂMBIO
Marchas 6 / transmissão por corrente
FREIOS
Traseiro a disco
Dianteiro a tambor a disco
CICLÍSTICA
Quadro berço semi-duplo, de aço
Suspensão dianteira/traseira telescópica / monomola
Pneu dianteiro 2,75 - 21 3,00 - 21
Pneu traseiro 4,60 - 17 4,00 - 17
DIMENSÕES
Comprimento 2,12 m 2,08 m
Entreeixos 1,4 m
Capacidade do tanque 16 l 10,5 l
Peso a seco 131,5 kg 115 kg
DESEMPENHO
Velocidade máxima 130 km/h ND
Aceleração de 0 a 100 km/h 11 s ND
Dados de desempenho aproximados; ND = não disponível

Fonte: http://www2.uol.com.br/bestcars/mp/agrale-5.htm

Obs: O nosso amigo "graxa" sabe como é montar até hoje numa dessas.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

O seu comentário é fundamental, obrigado.

Postar um comentário